Por Shirley Cruz
Em seu retorno aos trabalhos legislativos do 2º semestre, iniciados na sessão ordinária desta terça-feira, 5, o líder da oposição na Câmara Municipal de Palmas, o vereador Iratã Abreu (PSD-TO), defendeu a aprovação de um requerimento destinado à Saúde Municipal para que seja elaborado um Guia dos Serviços de Saúde Municipais.

Conforme o vereador, a intenção é informar a população sobre onde procurar atendimento e que serviços são oferecidos nas unidades básicas de saúde, bem como a Unidades de Pronto Atendimento, as UPAS. “Por falta de informações, o cidadão quase sempre procura atendimento no lugar errado. Vai a UPA quando deveria ir à unidade básica e vai ao HGPP quando deveria ir à UPA”, disse o vereador.

Iratã entende que a Prefeitura de Palmas prestaria um grande serviço ao cidadão se criasse, elaborasse e distribuísse o guia, assim como foi feito, por exemplo, com o dvd do IPTU. O vereador comentou ainda a precariedade dos hospitais estaduais e lamentou o não início das obras do Hospital Geral de Gurupi, que mesmo tendo recursos destinados pela senadora Kátia Abreu (PMDB), até hoje não foi iniciado.

Informações

Para elaboração do Guia da Saúde, Iratã sugere a inserção das seguintes informações: relação das Unidades Básica de Saúde, Unidades de Pronto Atendimento e Centros Especializados; horários de funcionamento e de plantões diários; especialidades médicas com identificação dos profissionais que estarão atendendo; e lista de equipamentos e exames laboratoriais fornecidos pela unidade com os horários respectivos de funcionamento.

O Guia deverá conter ainda a relação dos serviços mantidos pela Secretaria Municipal de Saúde constando horários de funcionamento e plantões diários; listas de programas desenvolvidos pela unidade; especialidades médicas e recursos humanos destinados para a respectiva unidade e resumo explicativo sobre o Sistema de Saúde Municipal, orientando sobre o acesso adequado aos serviços prestados pela rede pública.