Por Cimberley Cáspio
brasil

É incrível como enxergarmos o mundo de dentro do táxi. E o taxista foi enfático ao me afirmar que o Brasil,se compara com o trânsito,um caos,indisciplina total,o proibido é deixado de lado,e as multas são meros incômodos,que em nada atrapalha o dia de amanhã.

Placas de proibido estacionar,nada significa, e se avisa para não estacionar, o infrator argumenta,e se insistir,o infrator fala palavras agressivas,ofensivas,mas não tira o veículo do local proibido, salvo,se o aviso vier de um PM; quanto a Guarda Municipal,essa não impõe qualquer temor.

Sinal vermelho em feriados e final de semana,é a mesma coisa que o verde.O pedestre que se cuide.Um vacilo,a morte por atropelamento é certa. E se algum motorista respeitar o sinal vermelho e parar,pode até receber uma batida na traseira; e dificilmente uma autoridade irá ao local da batida para documentar o problema e defender o inocente do culpado. Geralmente os motoristas envolvidos na batida,discutem,e no extremo,partem para agressão. O culpado,nunca assume o erro.

Agora quanto aos motoqueiros…A coisa é muito mais séria do que se pensa. Violam 100 % as regras do trânsito. Tudo que não se pode fazer,tudo que é proibido,nada diz respeito,vale tudo. E se o motorista reclamar,pode ter o seu retrovisor quebrado,lataria chutada,xingamento,e no extremo,agressão física.Há exceções?Sim.Mas são raras.A guerra é real,e em andamento em todas as grandes cidades do país. Ferimentos e mortes são diários.O sangue humano corre literalmente nas ruas,avenidas e estradas do país. Os cemitérios tradicionais estão com lotação esgotada,e por não caber mais ninguém,sai um corpo da gaveta,e entra outro em pouco tempo, numa média de 3 velórios ao dia. Para a máfia funerária,um negócio da China.

As grandes cidades,não estão mais suportando o aumento anual da frota automotiva,acompanhado do aumento de novos motoristas. Criando a cada tempo,engarrafamentos gigantescos, responsáveis pelo grande estresse gerado pelo trânsito. Estacionamentos ficam lotados,fazendo com que muitos motoristas,ocupem as marginais das ruas e avenidas,diminuindo em muito a largura das mesmas,ao estacionarem os seus veículos,gerando assim,um problema maior na circulação dos demais veículos,que espremidos,vão formando filas e circulando de forma lenta,gerando demora e dificultando o tempo para se chegar a qualquer lugar,um inferno. Não há consciência. A cabeça de muitos,é mero enfeite pendurado no corpo,presa ao pescoço.

Assim como o trânsito,o caos é generalizado nas demais áreas.Confusão total. Respeito e competência,deixaram de existir. O Brasil hoje é o país da “farinha pouca,meu pirão primeiro”. E quem não tem o que fazer,se for esperto,se candidata a um cargo político.Com certeza ganha,porque o povo aceita tudo. Aceita ser enganado,aceita ser roubado,e aceita até morrer de forma violenta.O que o povo brasileiro não aceita,é se dá ao trabalho de pôr essa nação em ordem.Foi vencido pela falta de vontade,e pela preguiça. Desde 2013,o povo brasileiro preferiu ficar a parte e dar apoio à FIFA,e ver o a seleção brasileira perder de 7 a 1,do que apoiar à manifestação e pôr o país nos trilhos.