Todo bom investidor sabe que existem três fatores que precisamos considerar na hora de investir nosso dinheiro. É o chamado “Tripé dos Investimentos”. Rentabilidade, liquidez e segurança formam o trio. Vejamos como cada um deles pode influenciar na hora de aplicarmos nossa suada poupança.

Rentabilidade: O primeiro fator que precisamos considerar é a rentabilidade. Afinal, se investimos nosso dinheiro, ao invés de deixá-lo de baixo do colchão ou parado na poupança, é porque acreditamos que poderemos ter um retorno maior do que as opções anteriores costumam nos dar.

Obviamente, para nós investidores, quanto maior a rentabilidade, melhor. Afinal, será a partir dos lucros obtidos com o capital investido que iremos melhorar nosso padrão de vida, realizar nossos desejos de consumo e por aí vai. Quanto maior for o retorno que obtivermos, mais sonhos poderemos realizar.

Liquidez: Liquidez nada mais é do que a capacidade de converter o ativo comprado em moeda. Ou seja, qual a dificuldade que você terá para conseguir se desfazer do seu investimento sem que prejudique sua rentabilidade?

Ações, Títulos Públicos, imóveis, cada investimento possui um nível de liquidez diferente. Ao investirmos nossos recursos, precisamos levar em consideração o nível de liquidez do ativo escolhido para saber se ele está de acordo com o que desejamos para nossa aplicação e, dessa forma, não corrermos o risco de ter que nos desfazer do investimento as pressas e, assim, perder um bom dinheiro com isso.

Segurança: O terceiro aspecto que é fundamental considerarmos é a segurança do investimento que iremos fazer. Precisamos escolher um investimento que tenha um perfil de risco adequado ao nosso perfil enquanto investidor.Antes que você me pergunte, não existe investimento livre de risco. Existem os mais arriscados e os menos arriscados. Ao tomar a decisão de em qual ativo irá investir, você precisa saber qual o nível de risco está disposto a correr para atingir seus objetivos financeiros.

Como você deve ter imaginado, não se pode ter tudo ao mesmo tempo. Em geral, cada um dos fatores que formam o Tripé dos Investimentos, acabam por ser excludentes. Ou seja, maior rentabilidade significa menor segurança, maior liquidez significa menor rentabilidade e por aí vai. O que você, enquanto investidor, precisa fazer é escolher um investimento que possua o equilíbrio ideal para o seu perfil. Assim, terá a certeza de que, dentre as alternativas de investimentos disponíveis, escolheu aquela mais adequada a você.