Por Cimberley Cáspio
“A comunidade judaica enviou carta a Joseph Blatter pedindo um minuto de silêncio antes do jogo entre Argentina e Irã – amanhã, no Mineirão. Para lembrar o atentado à sede da Amia (Associação Mutual Israelita), em Buenos Aires, cuja responsabilidade é atribuída, pelo governo argentino, ao Irã.

Independentemente do posicionamento do presidente da Fifa, jovens cariocas e paulistas vão promover o movimento #1minutopelaamia.

Organizações judaicas da América Latina decidiram fazer o mesmo a partir de 12h30min, antes da partida.”

Reproduzi esse texto,do blog da Sonia Racy,do jornal O Estado de São Paulo.

Essa tragédia,aconteceu em 18 de julho de 1994,onde 85 vidas foram sepultadas nos escombros da explosão do carro-bomba. A honra é Justa,justíssima.

Mas se vai fazer 1 minuto de silêncio em honra ao mortos no atentado de 1994,também é justo que sejam honrados por nós,os 13 mortos,pelas chuvas recentes no Paraná,e também,aos 7000 mortos,na tragédia da região serrana do Estado do Rio de Janeiro,em 2011.

É fato que a união entre judeus,é um exemplo. E que tal iniciativa,deve ser imitada pelo governo brasileiro em honra aos nossos mortos,e que deveria ser feita durante a abertura da Copa.Mas se o pedido judaico a Fifa,for aceito,tal cerimônia,será vista pelo mundo inteiro. E como mencionado acima,que essa tragédia,aconteceu em 1994,em Buenos Aires,e a comunidade judaica,quer fazer a homenagem aqui no Brasil,durante uma Copa do Mundo,nada mais justo também,que se faça justiça ainda maior, aos nossos mortos,recentemente no Paraná,e na tragédia da região serrana no Rio de Janeiro,em 2011.Que sejam também lembrados e honrados diante do planeta durante a Copa do Mundo.Se não for no jogo da Argentina e Irã,que seja durante o jogo do Brasil,com outra seleção.Mas que se realize.

Sendo assim,peço desde já,toda ajuda do povo brasileiro nesse sentido.